BLOG Ocupacional

Categorias

Filtrar posts por data

Como a sua imunidade pode te proteger do coronavírus

Como a sua imunidade pode te proteger do coronavírus

9 de abril de 2020

Em tempos de pandemia da Covid-19, causada pelo novo coronavírus, muita coisa tem sido dita na imprensa, redes sociais e, principalmente, em grupos de Whatsapp. Mas o maior problema não tem sido o excesso de informações, mas sim a veracidade desses conteúdos. E foi justamente o excesso de fake news sobre o tema que nos motivou a criar este post, para te orientar sobre o que é real ou não sobre a imunidade e quais medidas você pode e deve tomar para se proteger.

Imunidade alta dificulta o contágio do coronavírus?

O primeiro ponto que precisa ser compreendido é que o sistema imunológico é um recurso do nosso corpo, que envolve células, tecidos, órgãos e moléculas, para combater, de maneira coordenada, vírus, bactérias, fungos e parasitas.

Dessa maneira, é preciso entender que manter uma boa imunidade não impede que sejamos contaminados pelo coronavírus. Porém, pode ser um fator determinante para a nossa sobrevivência, em caso de contaminação.

Estudos divergem entre 10 a 20% no que diz respeito a taxa de pessoas contaminadas que precisam ser hospitalizadas. Geralmente essas chances aumentam para pessoas que estão com a imunidade mais baixa, quadro que contempla, por exemplo, o chamado grupo de risco (idosos ou pessoas que já tenham algum quadro prévio que pode comprometer a resposta do organismo, como, por exemplo, câncer, problemas cardíacos, respiratórios, dentre outros).

É possível aumentar a imunidade?

É importante entender que imunidade é a capacidade de resposta do organismo no enfrentamento de agentes externos considerados nocivos pelo nosso corpo (como é o caso do coronavírus). De acordo com especialistas ouvidos pela BBC Brasil, essa capacidade varia de pessoa para pessoa.

Dizer que podemos aumentar nossa imunidade é um mito. O que podemos fazer, no entanto, é manter hábitos saudáveis para permitir que nosso o nosso sistema imunológico consiga trabalhar com sua capacidade total. Ou seja, não é sobre aumentar a imunidade, mas sim sobre mantê-la o mais elevada possível dentro da capacidade do nosso organismo. Isso pode fazer toda a diferença na hora de combater doenças como, por exemplo, a Covid-19.

5 dicas para manter a imunidade em dia

Para o Dr. Belmiro d’Arce, médico e professor da Unesp, o principal fator que determina se a pessoa sobrevive ou morre à Covid-19 é a imunidade. O médico avalia que o vírus não tem elevado seu poder de agressão na pandemia e, portanto, o que tem prevalecido não é o poder do vírus, mas sim a fragilidade do sistema imunológico das pessoas.

Para complementar, estamos diante de um possível colapso no sistema de saúde brasileiro, conforme previsto pelo Ministério da Saúde. Nesse cenário, os hospitais poderão não ter capacidade suficiente para atender toda a população. A imunidade torna-se, então, ainda mais importante neste momento.

Pensando nisso, separamos 5 dicas que vão te ajudar a manter a sua imunidade funcionando com toda a capacidade e, certamente, te proteger da doença:

1. Beba bastante água

Hidratação é fundamental para manter a imunidade elevada. Como dito anteriormente, o nosso sistema imunológico é composto em grande parte por células que dependem da água para manter suas funções básicas em funcionamento. Recomenda-se, portanto, a ingestão de, no mínimo, 2 litros d’água por dia.

2. Manter uma alimentação balanceada

Conforme matéria publicada na BBC News Brasil, “não existe nenhum alimento ou vitamina que combata o novo coronavírus. Mas, obviamente, quando o sistema imune está ativo e saudável, vai ajudar a combatê-lo”.

Portanto, precisamos considerar a importância dos micronutrientes presentes em cada coloração de alimentos. É recomendado priorizar verduras, legumes e frutas. Além disso, o Dr. Belmiro d’Arce recomenda a utilização de alho, cebola e especiarias como açafrão e manjericão.

Da mesma forma que alguns alimentos podem ajudar neste momento, outros, se consumidos em excesso, podem prejudicar o desempenho do sistema imunológico. É o caso, por exemplo, dos açúcares, amidos e massas.

É também recomendado evitar o consumo em excesso de sal, leite e derivados e de alimentos industrializados.

3. Sol e ar livre

Vem sendo muito divulgando que o consumo de vitamina D pode ser um importante fator de proteção contra o coronavírus. Em virtude disso, muitas pessoas tem se suplementado em excesso. É importante ressaltar, no entanto, que a vitamina D depende da exposição ao sol para ser ativada.

Além disso, segundo o Dr. Belmiro d’Arce, tomar 15 minutos de sol por dia, entre às 10h e 16h, traz outros benefícios à saúde e ao sistema imunológico. Além disso, o médico recomenda passar algum tempo ao ar livre, se isso for possível dentro das limitações do isolamento social.

4. Praticar exercícios físicos

Sabemos que durante períodos de confinamento, existe a tendência de se caminhar rumo ao sedentarismo. Porém, é muito importante manter uma rotina de prática de exercícios físicos, mesmo em casa. Isso vai estimular a liberação de hormônios que ajudam a regular o sistema imunológico.

5. Descanse o corpo e a mente

Dois fatores cruciais para manter em bom funcionamento o sistema imunológico é dormir bem e prevenir o estresse.

Segundo Ana Caetano Faria, em entrevista para a BBC News Brasil, “é durante o sono que temos maior produção de células de defesa pela medula óssea. Estudos mostram que dormir menos de cinco horas por noite aumenta em quatro vezes a chance de desenvolver infecções respiratórias, como gripes e resfriados”.

Além de garantir boas noites de sono, não deixe de brincar e se divertir. Além disso, outra boa recomendação é a de preservar a sua mente do “envenenamento mental”, que ocorre devido à exposição às diversas notícias sobre a pandemia que tem circulado na mídia e nas redes sociais.

Coronavírus: como manter sua empresa segura?

Quer saber mais sobre o coronavírus e entender o que pode ser feito para deixar a sua empresa segura? Então acesse a página que criamos para tratar especificamente sobre o assunto:

Saiba como proteger sua família e sua empresa

Categorias

Filtrar posts por data

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba no seu e-mail as novidades da Ocupacional e do mercado de medicina e engenharia de segurança do trabalho.